Alerta! Estes 10 Sintomas do Estresse Podem Estar Acabando Com a Sua Saúde

livro sobre estresse pdf

Estresse: como funciona, sintomas e soluções

Ao contrário do que muita gente imagina, o estresse não é uma doença. Ele é uma resposta do organismo (que pode ser manifesta de forma física ou mental) a situações de esforço extremo, ameaça ou pressão. Essa resposta provoca uma série de reações químicas no corpo humano, o que leva a reações fisiológicas.

O organismo é submetido a uma variedade de alterações no dia a dia. Isso acontece quando o cérebro entende alguma atividade como ameaçadora ou que vá causar pressão. Essas alterações não precisam necessariamente ser negativas, mas podem ser muito positivas também. Por exemplo: se você estiver sob grande pressão no trabalho, seu cérebro percebe isso e responde com alterações que o ajudarão a concluir suas atividades com mais eficiência. Mas se a pressão persistir por um longo período, as alterações se tornarão prejudiciais, manifestando-se no organismo de formas patológicas e com sintomas como dores de cabeça e de estômago, só para citar os menos graves.

conceito de estresse segundo a psicologia

Quando se está atravessando uma fase de muito estresse, percebe-se um aumento na irritabilidade, no nervosismo ou no desequilíbrio emocional. Porém, quem vive esse problema nota alguns sintomas que vão além dos que são só comportamentais, e passam a ter problemas físicos.

“Quando se está atravessando uma fase de muito estresse, percebe-se um aumento na irritabilidade, no nervosismo ou no desequilíbrio emocional.”

Conheça alguns dos sinais que o corpo demonstra nessas situações e, se perceber que está apresentando mais de quatro deles, procure ajuda especializada e comece a implementar mudanças em seu estilo de vida, a fim de diminuir o estresse. Alguns dos sintomas mais comuns são:

1Dificuldade para dormir
O excesso de estresse atrapalha o padrão do sono, porque mesmo que esteja muito cansada, a pessoa não consegue parar de pensar em seus problemas. E isso só agrava o quadro, porque quando ela não consegue dormir, levanta-se cansada e com baixa energia no dia seguinte, e terá de encarar um dia inteiro de trabalho, estudos ou afazeres domésticos sem o ânimo necessário para desempenhar todas as tarefas que tem pela frente.

2Queda de cabelo
O aumento excessivo na queda do cabelo é um dos principais indicativos do estresse, embora também possa estar relacionado com outros problemas sérios de saúde – então, na dúvida, se apresentar esse sintoma, procure um médico. Apenas uma análise dos sintomas isoladamente e também em conjunto pode determinar se a pessoa está passando apenas por estresse ou se apresenta um quadro de saúde mais preocupante.

o que causa o estresse

 

3Cansaço em excesso
Se mesmo após dormir pelo menos seis horas por noite você acordar cansado e sentindo que a sua “bateria” está totalmente descarregada, as chances de você estar sendo vítima de estresse em excesso são grandes. Nesse caso, tente organizar melhor a sua rotina e priorizar as tarefas que não podem ser adiadas, delegando outras e, se for o caso, deixando as menos importantes para depois e até mesmo cancelando as que não forem realmente necessárias. Também é aconselhável pedir a ajuda de colegas de trabalho, amigos ou familiares se houver algo em que eles possam ajudar. Lembre-se: você precisa de tempo para si mesmo, e não há nada que não possa esperar.

4Alergias de pele
Se você repentinamente começar a ter alergias de pele, coceiras ou irritações sem explicação (como as causadas por picadas de mosquito), isso pode ser uma das manifestações do estresse em excesso na sua vida. Se essa for realmente a causa do problema, as alergias tendem a desaparecer quando você eliminar ou reduzir o estresse em sua vida, mas mesmo assim é aconselhável procurar um médico, porque existem alguns medicamentos que podem aliviar o desconforto das coceiras e da ardência nos locais da alergia.

Veja Também → Lei da Atração – O Segredo de Atrair o Que Precisa

5Gastrite e úlcera
O estômago é uma das partes do corpo mais comumente afetadas pelo estresse. As manifestações de sintomas vêm em forma de dores e queimação, e se o problema persistir sem que você consulte um médico, você pode até desenvolver úlceras e gastrite. Os desconfortos estomacais são sintomas que jamais devem ser ignorados em qualquer situação.

6Tensão muscular
Dores no pescoço e nas costas são quase sempre relacionadas ao excesso de estresse, quando não são causadas por má postura. Em casos mais graves, até a mandíbula pode ser afetada, fazendo com que a pessoa ranja os dentes durante a noite. Uma dica nesses casos é a prática de exercícios físicos com regularidade, porque eles ajudam a descarregar a tensão. Yoga e meditação também são ótimas escolhas.

estresse no trabalho artigo

7Baixa imunidade
Se você estiver sofrendo com o excesso de estresse, isso pode causar uma queda acentuada na sua imunidade física, deixando-o suscetível a uma série de doenças. É claro que a maioria dessas manifestações de males em seu corpo organismo poderá ser tratada com medicamentos, mas se não houver uma mudança no estilo de vida, o problema persistirá e você vai perceber que está sempre doente, 365 dias por ano.

8Dor de cabeça
Muita gente associa as dores de cabeça ao cansaço, à fome, à exposição prolongada a ruídos e até mesmo – surpresa! – ao estresse. E todos esses cenários são possíveis. Ter dor de cabeça apenas não significa que você está excessivamente estressado, mas se esse sintoma aparecer associado a um ou mais dos outros citados aqui, existem boas chances de você estar passando por esse problema.

9

Alterações de apetite
Se você de repente começar a sentir um apetite descontrolado e começar a engordar ou, ao contrário, se perder totalmente a fome e não quiser se alimentar, uma das possíveis causas pode ser o estresse. Nesse caso também é especialmente importante procurar um médico o quanto antes, porque ambos os cenários podem ser indicativos de doenças mais graves.

10

Tonturas
Quando se está passando por situações de extremo estresse, uma das consequências pode ser uma alteração no funcionamento do labirinto, pequeno órgão localizado na parte interna do ouvido que controla o nosso equilíbrio. Isso gera tontura, náusea e a sensação de que o mundo todo está girando (vertigem). Procure o seu médico se começar a ter esses sintomas de repente, mas saiba que uma simples mudança no estilo de vida pode resolver o problema.